• siga o )feminal( no twitter
  • comunidade )feminal( no facebook
  • comunidade )feminal( no orkut

Sobre Lícia Peres

por Eloá Muniz

Lícia Margarida Macêdo de Aguiar Peres, é natural de Salvador, Bahia, mudou-se para o Rio Grande do Sul após o casamento com o jornalista Glênio Peres

– Socióloga – formada pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul

– Primeira presidente do Movimento Feminino pela Anistia/RS (1975-1979)

– Foi Diretora Cultural da FRACAB- Federação das Associações Comunitárias e Amigos de Bairros

– Feminista

– Fundadora e ex-presidente da Ação da Mulher Trabalhista do PDT

– Presidente do Conselho Estadual dos Direitos da Mulher do RS (1991/1993)

– Representante do Rio Grande do Sul no Conselho Nacional dos Direitos da Mulher (1995-1999)

– Recebeu do governador Olívio Dutra a medalha Negrinho do Pastoreio por relevantes serviços prestados ao Rio Grande do Sul (Ago/99)

– Representou o Conselho Nacional dos Direitos da Mulher na “Reunión Subregional de Oficinas Gubernamentales de la Mujer – Seguimiento Beijing+5”, organizada pelo Instituto Nacional de la Familia y de la Mujer e o Fundo de Desenvolvimento das Nações Unidas para a Mulher – Banco Central, Montevidéu, Uruguai, out/99

– Integrou a Delegação Brasileira na condição de palestrante na Primeira Reunião Sub- Regional de Delegadas e Especialistas da Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Paraguai e Uruguai promovida pela Comissão Interamericana de Mulheres- CIM da OEA onde proferiu a palestra “Violência Contra a Mulher” – Palácio Legislativo , Montevidéu, nov/99

– Participou da Sessão Especial da ONU “Beijing+5”, como observadora, representando o IDAC (Instituto de Desenvolvimento de Ação Cultural ) realizada em Nova Iorque, no período de 5 a 9 de junho de 2000

– Participou, na condição de palestrante, no Seminário “Desenvolvimento, Igualdade e Democracia na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa”, no painel “A dimensão de gênero na CPLP e na Cooperação para o Desenvolvimento” – Lisboa, 15 de março de 2004.

– Recebeu da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul o troféu “MULHER CIDADÔ, pelos relevantes serviços prestados na área de defesa dos direitos da mulher e combate à violência (março de 2000)

– Recebeu da RBS – Rede Brasil Sul de Comunicação – o Troféu “Gaúcho Honorário 2002”, prêmio oferecido a personalidades que vieram elevar o nível comunitário, cultural e social e econômico do Rio Grande do Sul (2 de setembro de 2002)
– Assessora da Bancada do PDT na Assembleia Legislativa (1983-2001)

– Integrante do Diretório Nacional e Regional do PDT (Partido Democrático Trabalhista)

– Membro do Conselho Político da Frente Democrática e Popular (1999-2003)

– Recebeu da Câmara Municipal de Porto Alegre o título de Cidadã Porto-alegrense (Junho/92)

– Integrante da Comissão do Acervo do Luta Contra a Ditadura Militar (Memorial do RS) 2000-2009

– Membro do Conselho Diretor da THEMIS – Assessoria Jurídica e Estudos de Gênero (2005-2008)

– Candidata à vice-prefeita de Porto Alegre com Viera da Cunha pelo PDT (2004)

-Candidata à 1ª Suplência do Senado na Chapa de Germano Rigotto (2010, coligação PMDB-PDT)

– Viúva do jornalista e vice-prefeito, Glênio Peres, é mãe de Lorenzo, 26 anos, bacharel em Relações Internacionais

Lícia Peres

) Participe (